Mensagem do Presidente da ADE – Associação de Diretores de Enfermagem

José Ribeiro
Presidente da ADE - Associação de Diretores de Enfermagem

“Esta Convenção Nacional da Saúde cria as condições para um debate nacional e alargado em prol do futuro do Serviço Nacional da Saúde e dos Portugueses. Toda a conquista neste setor começa com a decisão de tentar definir uma política que permita mais autonomia na gestão, reforçar modelos e processos e Gestão por objetivos, com ênfase nos resultados, e de reconhecer mais o mérito e desempenho dos colaboradores.
Os tempos mudam, surgem novos desafios e novos objetivos para o Serviço Nacional de Saúde. A Pressão para agir obriga-nos a reflexões profundas do que temos andado a fazer para termos a incipiente gestão de recursos humanos e a incorreta prestação e consumo de saúde.
Pensar em refundar o nosso Serviço Nacional de Saúde obriga a fortalecer o trabalho de equipa e a pensar nas condições que deveriam ser criadas para que os enfermeiros pudessem disponibilizar mais as suas competências e criar mais valor para as pessoas e organizações. Os enfermeiros estão disponíveis e dispostos a assegurar um melhor acesso, custos mais baixos, bem como trabalhar para uma maior capacidade do doente gerir a sua própria doença e o seu tempo.”